Como Reduzir A Ansiedade No Namoro E Paquera

É normal ficar ansioso ao interagir com potenciais parceiros de namoro.

Todo mundo se preocupa em causar uma boa primeira impressão.

É comum obter alguma forma de “ansiedade de aproximação” e lutar para quebrar o gelo.

Também é natural se perguntar se alguém por quem você é atraído (ou namorando) gosta de você também.

Às vezes, porém, essa ansiedade social, medo de rejeição ou timidez acaba travando algumas pessoas.

Impede-as de ter a vida amorosa que desejam.

Mas esses sentimentos não precisam te segurar.

Eles podem ser reduzidos e controlados.

As mulheres populares, caras sociais, sedutores naturais e gurus da conquista têm dicas, truques e métodos para diminuir sua ansiedade, manter a calma e agir com confiança.

Você também pode.

Veja também: 7 Coisas Que As Pessoas Que Têm Ansiedade Social Costumam Fazer

Abaixo, Vou Compartilhar Com Você Um Método Para Superar A Ansiedade No Namoro…

Pesquisa “curiosa” sobre ansiedade social

Kashdan e Roberts (2006) conduziram pesquisas sobre a tendência de sentir ansiedade e curiosidade nas interações sociais.

Como os autores explicam, “experiências desconhecidas evocam sentimentos de ansiedade (devido a conflitos com o conhecimento existente e sentimentos de baixo controle pessoal) e curiosidade (devido a uma propensão natural a buscar recompensas potenciais e oportunidades de crescimento pessoal)”.

Em outras palavras, as situações sociais têm componentes assustadores e maravilhosos.

Por um lado, sentir-se despreparado para o “desconhecido” pode ser um pouco intimidador.

Por outro lado, conhecer alguém novo pode gerar sentimentos de curiosidade e esperança sobre possibilidades positivas.

Kashdan e Roberts mostram que o foco (na ansiedade ou na curiosidade) determina como as situações sociais são vivenciadas.

Através de dois experimentos, eles descobriram que a ansiedade social realmente contribuiu para sentimentos negativos sobre as interações sociais.

No entanto, a curiosidade contribuiu para sentimentos positivos sobre as interações sociais.

Independentemente do nível de ansiedade, os indivíduos curiosos desfrutavam mais de interações sociais do que os não curiosos.

Presumivelmente, eles passaram um tempo maior observando os aspectos positivos, as oportunidades e a diversão.

Veja também: 21 Dicas Rápidas Para Mudar Sua Ansiedade Para Sempre

O Que Isso Significa Para Sua Vida Amorosa

Se você estiver se sentindo ansioso em uma situação social, tente ser um pouco mais curioso.

Isso vai “tirar você da sua cabeça” e ajudá-lo a ver os aspectos positivos da interação.

Você pode aproveitar mais sua vida social, ter melhores conversas e realmente conhecer suas possíveis parceiras ou parceiros românticos.

1. Tenha A Mente Aberta E Otimista 

Concentre-se nas possibilidades positivas em qualquer situação social.

Suspenda julgamento e preocupação e não “leia as coisas” negativamente.

Também não coloque suas próprias suposições, crenças ou pensamentos sobre a interação.

Em vez disso, apenas aproveite o momento e preste atenção nas partes boas.

Seja otimista, aberto e positivo.

Observe as risadas, boas piadas e opiniões interessantes.

2. Concentre-Se Nele Ou Nela (Não Em Si Mesmo) 

Ouça realmente o que sua namorada em potencial está dizendo.

Ouça suas palavras, observe sua linguagem corporal, sorrisos e contato visual.

Fique “fora” de si mesmo, ignore suas reações internas e concentre-se nelas.

Não fique preso em seus próprios pensamentos, preocupações ou opiniões.

Tente se lembrar do que ele ou ela acabou de dizer que gosta, pensa, sente ,etc.

3. Aprenda Algo Novo Com A Pessoa

Todos têm perspectivas únicas para compartilhar.

Parceiros românticos e estranhos aleatórios têm algo interessante para ensinar.

Tente aprender.

Seja curioso sobre a vida deles.

Tente encontrar sua perspectiva única e o que eles têm para compartilhar no mundo.

Realmente entenda quem eles são e de onde vêm.

4. Encontre A Diversão Juntos 

Mantenha a discussão sobre tópicos felizes (especialmente com novas pessoas).

Evite perguntar sobre eventos dramáticos, traumáticos e negativos.

Este não é o momento para isso.

O objetivo é ser orientado para o crescimento, brincar e ter as duas pessoas gostando da interação.

5. Compartilhe Suas Coisas Boas Também

Faça perguntas e compartilhe suas opiniões positivas.

Ofereça algo sobre você que você particularmente goste.

Ensine-lhe algo divertido também.

Inicie uma discussão leve e sedutora.

Permita que ele ou ela também tenha curiosidade sobre você!

Conclusão

Pratique a curiosidade todos os dias!

Pratique a curiosidade quando estiver ansioso para “quebrar o gelo” ao conhecer alguém novo.

Concentre-se nas coisas interessantes que você pode aprender com essa pessoa.

Declarações curiosas como: “Eu estava pensando no livro que você está lendo…” ou “ele é tão fofo, que tipo de cachorro é esse…”  podem ser ótimos quebra-gelo.

Pratique a curiosidade com seus parceiros de namoro também.

Procure novas maneiras de ajudar você a se conectar.

Divirta-se e cresça.

Encontre novas peças, perspectivas, opiniões e experiências entre si.

De qualquer maneira, isso é metade da diversão de “conhecer” alguém.

Você descobrirá que essas etapas ajudarão você a se concentrar em interações positivas, agradáveis ​​e benéficas.

Elas também ajudarão a diminuir sua preocupação e ansiedade ao longo do tempo.

Experimente a curiosidade.

Todos os direitos reservados.

Referências

Kashdan, TB e Roberts, JE (2006).

Resultados afetivos em interações superficiais e íntimas: Papéis de ansiedade e curiosidade social.

Jornal de Pesquisa em Personalidade, 40, 140-167.

Sobre o Autor: Mauro Lisboa foi formalmente diagnosticado com Síndrome do Pânico e Transtorno da Ansiedade Generalizada (TAG), sofreu por 12 anos até desenvolver um método próprio baseado na Terapia Cognitivo-Comportamental e Psicologia Avançada que lhe permitiu eliminar todos os sintomas e voltar a viver uma vida normal e plena. Hoje ele ajuda pessoas na mesma situação. Para aprender mais, cadastre seu e-mail acima ou visite ansiedadepanico.com.

0 comments… add one

Leave a Comment