Crescimento Pessoal: Quatro Obstáculos À Mudança Positiva Da Vida

Que Obstáculos Estão Impedindo Você De Fazer Mudanças Positivas Na Vida?

A mudança é essencial para o seu crescimento e desenvolvimento como pessoa.

Sem mudança, você tem a certeza de permanecer do jeito que está e fazer as coisas da maneira que sempre as fez.

Para algumas pessoas, isso é uma coisa boa; eles são felizes e realizados em suas vidas.

Mas para muitas pessoas, o caminho atual em que elas estão carece de significado e satisfação e elas se sentem presas.

Elas querem mudar, mas parecem não conseguir descobrir como mudar.

A realidade é que a mudança é difícil.

Quão difícil?

Bem, dada a robustez do setor de autoajuda e o fato de ninguém ainda ter um caminho definitivo para mudar, a resposta é “extremamente difícil”.

Acrescente as baixas taxas de sucesso em tudo, desde as resoluções de Ano Novo, até fumar e perder peso para melhorar a autoestima, sentir-se menos ansioso e ter melhores relacionamentos, e o panorama não é nada bonito.

Parte do problema é que o setor de autoajuda distorceu nossas percepções de mudança, levando muitos a acreditar que a mudança deve ser fácil e deve ocorrer rapidamente e com pouco esforço.

Veja também: Esse É O Motivo De Você Ter Medo Do Sucesso

Obviamente, a ressalva dessa alegação é que a mudança só ocorrerá, supostamente, se você comprar livros ou DVDs, participar de palestras ou workshops ou investir tempo, energia e, é claro, dinheiro em qualquer “óleo de cobra” que promete ajudá-lo a mudar rápida e facilmente quando nada funcionou antes.

Este post é sobre como entender o que é realmente necessário para produzir uma mudança significativa e duradoura em sua vida.

Diante disso, a mudança não parece ser tão difícil.

Se há algo que você não gosta em si mesmo, apenas mude.

Mas a realidade é que mudanças profundas podem ser lentas, frustrantes e dolorosas, cheias de lutas, contratempos e decepções.

Quer você deseje ter uma visão mais positiva de si mesmo, seja um cônjuge melhor, lute por objetivos profissionais ou lide com o estresse de maneira mais eficaz, a mudança é a coisa mais difícil e gratificante que você fará.

Então, por que a mudança é tão difícil?

Este post oferecerá uma explicação.

O objetivo é mudar a crença de que uma mudança de vida é uma tarefa aparentemente impossível para uma que, se não uma certeza, parece pelo menos ao seu alcance

Veja também: 21 Dicas Rápidas Para Mudar Sua Ansiedade Para Sempre

Quatro Obstáculos Para Mudar

Um aspecto infeliz da vida é que geralmente criamos obstáculos, geralmente inconscientemente, que podem servir a algum tipo de objetivo imediato, mas acabam sendo passivos a longo prazo.

Essas barreiras são frequentemente impulsionadas por algumas de nossas necessidades mais básicas, por exemplo, sentir-se competente, ser aceito, sentir-se no controle.

Lamentavelmente, esses obstáculos se tornam intratáveis ​​e acabam impedindo as pessoas de mudarem (ou mesmo tentarem mudar) quando passam de benéficas a onerosas.

Bagagem.

Como todos nós, você traz coisas boas para a vida adulta que você construiu na infância.

E, como ser humano, você provavelmente também traz algumas coisas não tão boas, o que é comumente chamado de “bagagem”.

Os tipos mais frequentes de bagagem incluem baixa autoestima, perfeccionismo, medo, necessidade de controle, raiva, Essa bagagem faz com que você pense, sinta e se comporte com base em quem você era quando criança, e não na pessoa muito diferente que você é agora como adulto. A maior parte dessa bagagem faz com que você reaja ao mundo de uma maneira improdutiva que pode sabotar seus esforços para alcançar mudanças positivas na vida.

Veja também: 6 Maneiras De Aumentar Sua Autoestima E Por Que É Importante

Hábitos.

Quando você experimenta pensamentos, emoções e comportamentos conduzidos por sua bagagem com frequência suficiente, eles se tornam hábitos profundamente arraigados que determinam como você age e reage ao mundo.

Esses hábitos são muito parecidos com atletas que praticam técnicas ruins.

Essa técnica ruim torna-se ligada à sua “memória muscular” e sai em competição.

Da mesma forma, quando suas bagagens se tornam arraigadas como hábitos, elas produzem respostas aparentemente reflexivas, mesmo quando não são saudáveis ​​nem adaptáveis.

O desafio é que, novamente como atletas, uma vez que os hábitos estão enraizados, é difícil treiná-los novamente.

Veja também: Como Se Acalmar: 15 Coisas Para Fazer Quando Você Está Ansioso Ou Com Raiva

Emoções.

Emoções negativas, como medo, raiva, tristeza, frustração e desesperança, podem atuar como um poderoso impedimento à mudança de vida.

Por exemplo, muitas pessoas não mudam por medo de fracassar.

Eles podem pensar: “E se eu não puder mudar, então eu provarei que sou um fracasso ainda mais do que sou agora”.

Eles então dizem: “Eu sou assim há muito tempo e eu pelo menos consigo ‘empurrar com a barriga’, então não vale a pena o risco”.

Essas emoções negativas tornam-se barreiras substanciais à mudança, sendo acionadas sempre que você se sentir desconfortável, incompetente ou sem apoio.

E o único alívio é recuar para o que você tem sido.

Veja também: Como Controlar Suas Emoções Quando Estão Fora De Controle

Meio Ambiente.

Você cria um ambiente que ajuda a gerenciar melhor sua bagagem, hábitos e emoções.

Você se envolve com pessoas que apoiam o seu modo de fazer e se sente confortável e seguro.

Você se envolve em atividades que atendem aos seus pontos fortes e ajuda a mascarar ou mitigar esses obstáculos.

Infelizmente, esse ambiente reforça quem você é, mesmo quando não quer ser quem é e pode fazer com que você continue por um caminho que interfere na sua felicidade e na consecução de seus objetivos.

Esse ambiente pode, no mínimo, não suportar mudanças e, na pior das hipóteses, desencorajar mudanças.

Nos quatro casos, quando você permite que esses obstáculos controlem sua vida, eles têm o efeito de sabotar seus esforços para mudar sua vida de maneira positiva.

Pior ainda, você se sente preso, frustrado e impotente para mudar sua situação na vida.

Sobre o Autor: Mauro Lisboa foi formalmente diagnosticado com Síndrome do Pânico e Transtorno da Ansiedade Generalizada (TAG), sofreu por 12 anos até desenvolver um método próprio baseado na Terapia Cognitivo-Comportamental e Psicologia Avançada que lhe permitiu eliminar todos os sintomas e voltar a viver uma vida normal e plena. Hoje ele ajuda pessoas na mesma situação. Para aprender mais, cadastre seu e-mail acima ou visite ansiedadepanico.com.

0 comments… add one

Leave a Comment