5 Etapas Para Restaurar A Confiança Em Seu Casamento Quando Você Se Sentir Traída Pelo Seu Parceiro

Os Limites São Uma Parte Saudável E Necessária De Qualquer Relacionamento.

A confiança deve ser a base de qualquer relacionamento ou casamento, e limites saudáveis ​​são bons objetivos de relacionamento para todos os envolvidos.

No entanto, quando há uma traição e os limites do casamento – limites emocionais ou físicos – são ultrapassados, é natural que um ou ambos os parceiros se sintam traídos.

Aprender a estabelecer limites e mantê-los é uma parte vital de qualquer relacionamento de longo prazo, porque quando esses limites são ultrapassados, a comunicação e a confiança podem quebrar.

Portanto, se o estabelecimento de limites não funcionou ou a confiança em seu relacionamento foi de alguma forma traída, é importante aprender a restabelecer uma dinâmica saudável entre você e seu cônjuge imediatamente antes que mais mágoa possa acontecer.

Aqui Estão 5 Etapas Que Você Deve Seguir Para Restabelecer A Confiança Em Um Casamento Depois Que Os Limites Forem Ultrapassados ​​E Você Se Sentir Traída:

Veja também: 13 Sinais De Um Marido Desrespeitoso Que Não Devem Ser Negligenciados

1. Reconheça Que Os Limites Foram Ultrapassados

Quando os limites são ultrapassados ​​no casamento, é essencial que ambas as partes reconheçam o que aconteceu.

A menos que haja um acordo de que os limites foram violados, não há como iniciar o processo de cura.

Por exemplo, digamos que um homem violou o limite de “não beber no meio da semana” de sua esposa.

Ambos perceberam que, quando bebiam vinho depois do trabalho, suas habilidades parentais sofriam antes de dormir para os filhos, então concordaram em se abster.

Quando o marido chegou em casa uma noite cheirando a cerveja, sua esposa ficou muito chateada porque eles tinham um acordo e ele a quebrou.

O marido pode recuar no início, justificando seu comportamento, mas depois que ele reconhece que violou o acordo deles, a cura pode começar.

2. Converse Sobre O Sentimento De Traição

Uma parte essencial da cura quando os limites são ultrapassados ​​no casamento é uma conversa.

A conversa é vital para qualquer relacionamento saudável, especialmente quando um parceiro (acidentalmente ou não) faz com que o outro sinta dor ou como se tivesse sido traído.

É muito importante que você revise por que você definiu o limite em primeiro lugar, por que o limite foi ultrapassado e quais os próximos passos que vocês devem seguir como casal.

No mesmo cenário acima, marido e mulher concordaram que o limite havia sido estabelecido para o bem de seus filhos.

O marido explicou, no entanto, que jantara no trabalho e bebera com um cliente.

No entanto, ele entendeu que havia cruzado a fronteira estabelecida.

A esposa pode então expressar sua decepção pelo fato de ele não ter cumprido sua palavra e de ter ficado um pouco fora disso durante a rotina de dormir das crianças.

Cada um deles conseguiu falar sua peça, saber que tinha sido ouvido e se preparar para tomar medidas para descobrir uma resolução.

Uma parte essencial das fronteiras que ainda estão sendo ultrapassadas no casamento é falar sobre isso!

Sem conversa, avançar é impossível.

Veja também: Meu Marido Me Ignora: Faça Isso Para Ganhar A Atenção Dele

3. Determine Uma Resolução Para Impedir Que Isso Aconteça No Futuro

Depois que você e seu parceiro tiverem falado sua peça, você pode decidir o que fazer com os limites existentes.

Você sente que é um limite que deve continuar a manter ou precisa ser reconsiderado?

Você deve ter certeza de que ambos se sentem à vontade com os limites, porque um casamento saudável se baseia em limites mutuamente acordados.

Após alguma discussão, você pode concordar que o limite era importante e que ele deveria permanecer no local, mas também esteja ciente de que, se surgir outra situação, ela poderá ser discutida naquele momento.

É importante, ao tentar descobrir como consertar as coisas, trabalhar em conjunto para identificar o que pode ser feito para chegar a um acordo com o que foi feito e fazer um plano para avançar.

4. Verifique Se Existem Padrões Estabelecidos Para Esses Limites

Após a conversa e a resolução, o próximo passo para gerenciar os limites é definir parâmetros de referência.

Os benchmarks são um ponto de referência com o qual outras coisas são comparadas.

Definir benchmarks é uma parte importante do avanço.

No exemplo de marido e mulher, sua referência foi a eficácia do limite para beber no meio da semana.

Eles definiram o que queriam alcançar estabelecendo esse limite (um jantar mais tranquilo e uma rotina de dormir).

Quando esse limite foi violado, eles examinaram cuidadosamente o tipo de efeito que a violação tinha sobre a família.

Eles perceberam que ele fez tornar as coisas mais difíceis e eles concordaram em prestar atenção daqui para frente para como fazer melhor.

Se você definiu limites e eles foram ultrapassados, a partir de agora, concentre-se no motivo pelo qual essa referência foi estabelecida e se é importante mantê-la.

Você não quer um limite impossível de alcançar e que possa causar mais problemas em seu relacionamento.

Veja também: Ele É Um Traidor? 10 Sinais Inconfundíveis Que Ele Está Te Traindo!

5. Procure Ajuda Se Sentir Que Não Pode Superar Os Sentimentos De Traição

Quando os limites são ultrapassados ​​no casamento, pode resultar uma tensão significativa.

Os relacionamentos são testados porque a confiança é violada.

Se os limites são ultrapassados ​​repetidamente, as coisas podem realmente ficar ruins.

Se os limites foram ultrapassados ​​em seu casamento e estão criando um estresse que você não consegue resolver, procure ajuda profissional.

É importante que a confiança seja mantida em qualquer relacionamento e um terapeuta ou coach de vida possa ajudá-la a gerenciá-la.

É importante abordar questões em um relacionamento frontal; portanto, se você não conseguir resolver os sentimentos que surgem quando os limites são ultrapassados, procure ajuda imediatamente e evite que as coisas piorem.

É importante que o problema seja resolvido imediatamente, que ambas as partes reconheçam o que está acontecendo, que o assunto seja discutido, que seja feita uma resolução e sejam estabelecidos parâmetros de referência e que, se você não puder resolver os problemas, procure ajuda profissional.

Manter o relacionamento saudável é importante para a longevidade; portanto, trabalhe duro para superar os problemas que surgem decisivamente e seguir em frente.

Juntos.

Sobre o Autor: Paulo é Terapeuta de Casais, Autor do best-seller A Mulher Que Eles Amam e ajuda mulheres casadas e solteiras a melhorarem seus relacionamentos com os homens com base nas mais recentes pesquisas da psicologia avançada.

0 comments… add one

Leave a Comment