Como Deixar Alguém Que Você Ama Ir Embora Da Sua Vida

Todos nós já experimentamos isso em algum momento – a dor de um amor perdido persistindo como um veneno sutil.

Deixar alguém que você realmente ama é uma das coisas mais difíceis do mundo.

Infelizmente, às vezes…é necessário.

Como a dor que você sente ao deixar alguém que você ama pode atrapalhar (e muito) sua vida, você precisa agir agora, se quiser crescer, progredir, seguir em frente e encontrar a felicidade em outro lugar.

Às vezes, você sabe o que aconteceu.

Outras vezes, você sente que as coisas diminuíram lentamente e não consegue identificar nenhuma causa.

Mas, de qualquer forma, você decidiu que é hora de deixá-lo e seguir em frente.

Vamos falar sobre como fazer isso.

“Algumas pessoas acreditam que segurar demais uma pessoa é sinal de força. Porém, há momentos que exige muito mais força para saber a hora de soltar, de fazer isso de fato”. – Hermann Hesse

1. Corte O Contato

Antes de fazer qualquer coisa, e quero dizer qualquer outra coisa, você precisa cortar o contato com a pessoa.

Isso é menos um passo e mais um pré-requisito criticamente importante.

Você nunca vai conseguir se curar se mantiver a pessoa que o machucou tão perto.

Remova números de telefone, descarte informações de contato, fotos e qualquer outra coisa diretamente conectada a ele.

Você não está apagando da sua memória, apenas removendo facilidade para entrar em contato com essa pessoa na próxima vez que você estiver em um momento de fraqueza e possa pensar em entrar em contato.

Veja também: 61 Frases Sobre Deixar Ele Ir Que Vão Desprender Você Da Dependência Emocional

2. Aceite O Que Você Está Sentindo

Possivelmente, a pior coisa que você pode fazer é ignorar o que está sentindo e começar a procurar meios de reprimir esses sentimentos ou se esconder deles.

Quanto mais você faz isso, pior fica e, portanto, precisa adotar uma abordagem totalmente diferente se desejar curar essa ferida.

Encare a dor de frente e não fuja dela.

Permita-se simplesmente estar em contato com o que estiver sentindo, mesmo que seja desconfortável.

Com o tempo, a mente tem uma maneira de se estabelecer, se você permitir que se concentre na dor.

3. Pare De Fantasiar

Depois disso, pare de fantasiar.

Quando você começar a experimentar o processo gradual de cura interna e refletir sobre as lembranças do passado, ficará motivada a fantasiar que talvez, apenas talvez, elas mudem.

Talvez as coisas pudessem dar certo dessa vez, se tal coisa aqui e tal coisa ali fosse diferente.

As coisas não vão funcionar – e elas não vão mudar.

Esse processo é o seu cérebro tentando mantê-la longe da dor novamente.

Esteja presente a esses sentimentos para manter a clareza.

Mas é importante fazer uma verificação da realidade e lembrar que essa é uma parte natural do processo de cura.

É a mesma coisa que beber depois de um fim de namoro ou outra perda.

Você não está realmente curando, apenas tentando colocar um curativo na dor.

Eventualmente, esse band-aid sairá.

E, quando isso acontecer, vai doer tudo de novo, e pior.

A única maneira de curar é estar com o que é (realidade) e seguir em frente, então pare de fantasiar.

Veja também: 7 Razões Pelas Quais Seu Ex Te Manda Uma Mensagem, E Nem Sempre É Porque Ele Quer Você De Volta

4. Pratique O Perdão

Agora é quando você realmente começa a se aprofundar e chega ao centro da questão.

O que quer que tenha acontecido deixou uma ferida interna que precisa ser costurada.

E, para fazer isso, você precisa praticar o perdão.

Nem sempre é culpa da outra pessoa.

Às vezes é nossa.

Seja qual for o caso, você precisa praticar a visualização da outra pessoa e repetir um mantra simples como “Eu te perdoo. Minha dor é minha” ou imagine-se se desculpando e buscando esses sentimentos de sinceridade dentro de você.

Quando você conseguir reconhecer isso, o processo começou a funcionar.

Dependendo do que aconteceu, levará tempo para curar.

No entanto, em todos os casos, se você investir tempo para estar consigo mesma, ouvindo o que se passa dentro de você e sendo gentil e compassiva consigo mesma, você vai conseguir curar a ferida.

5. Compreenda O Processo De Luto

Muito parecido com a morte de um ente querido, o fim de um relacionamento é uma perda e com a perda vem a dor.

Negação e isolamento, raiva, depressão e aceitação são etapas normais do processo e é importante lembrar que todo mundo sofre de maneira diferente.

Veja também: Como Esquecer Ele Rapidamente: Um Sistema Blindado Para Você Voltar Ao Normal Em Tempo Recorde

6. Procure Apoio

Embora seja normal ter uma tendência a se isolar após uma separação, é importante que você não se sinta sozinha.

Você pode não querer começar a explicar sua separação para todo mundo ainda, mas lembre-se de procurar pelo menos uma pessoa com quem você pode contar com suporte.

7. Leve O Tempo Que Precisar

Assim como o luto, a cura é um processo.

Dê tempo para seguir seu curso.

Faça um dia de cada vez e aprenda a gerenciar as expectativas para evitar se decepcionar.

Permita-se experimentar completamente a perda, porque a verdade é que não há soluções rápidas.

8. Pergunte A Si Mesma O Que Você Realmente Procura Em Um Relacionamento

Faça uma pausa para imaginar como seria o seu relacionamento ideal.

Avalie o que deu errado no seu relacionamento anterior, o que funcionou e isso lhe dará uma imagem melhor do que você deve esperar no futuro.

9. Pratique Gratidão

Comece o seu dia com isso.

Lembre-se, todos os dias, de todas as outras coisas maravilhosas, muitas vezes esquecidas, que você está passando em sua vida.

Seja grata pelo que o relacionamento lhe ensinou, pelos bons momentos que compartilhou e por estar um passo mais perto de encontrar o parceiro certo para você.

10. Ame A Si Mesma E Aumente Os Cuidados Pessoais

É tentador culpar a nós mesmos pela maneira como as coisas acabaram, mas a culpa por si só adia o processo de recuperação.

Em vez de se bater, pratique o amor próprio.

Uma maneira você pode ser mais amorosa em relação a si mesma é, reconhecendo o seu papel no que deu errado na relação, enquanto se lembra que havia duas pessoas envolvidas, e vocês dois contribuíram para o que aconteceu, cada um do seu jeito.

11. Vá Lá E Viva

Agora que você criou uma base sólida para curar internamente, assim que se sentir pronta, é importante sair para o mundo e começar a viver.

Comece a trabalhar, busque uma paixão, conheça novas pessoas ou faça uma aventura.

Seja o que for, comece a criar novas experiências, memórias e conexões para substituir as memórias antigas.

Quanto mais você fizer isso, mais fácil será seguir em frente.

Veja também: Como Desfrutar De Ser Solteira E Viver A Vida Que Você Realmente Quer Viver

0 comments… add one

Leave a Comment