Palidez Como Sintomas Da Ansiedade

Descrição da pele pálida, branqueamento e palidez como sintomas da ansiedade:

  • Seu rosto fica branco, pálido ou pastoso (em cor).
  • Parece que você perdeu a cor do seu rosto ou da pele.
  • Algumas pessoas podem dizer que você ficou branca, como se você tivesse visto um fantasma.
  • Algumas pessoas podem perguntar se você está se sentindo bem porque você parece “doente”.

Palidez como sintoma da ansiedade pode persistentemente afetar uma área do corpo, como o rosto, e a palidez pode mudar ou afetar outra área ou várias áreas do rosto ou do corpo, bem como migrar e afetar todas as áreas do rosto ou do corpo.

A palidez como sintoma da ansiedade pode aparecer e sumir raramente, ocorrer com frequência ou persistir por tempo indeterminado.

Por exemplo, você pode parecer pálido de vez em quando, pode ficar pálido várias vezes ao dia ou ficar pálido o tempo todo.

Palidez como sintoma da ansiedade pode anteceder, acompanhar ou seguir uma escalada de outros sintomas e sensações da ansiedade, ou ser um sintoma isolado.

Palidez como sintomas da ansiedade pode anteceder, acompanhar ou seguir um episódio de nervosismo, ansiedade, medo e estresse elevado, ou ocorrer “do nada”, sem nenhum motivo aparente.

A palidez pode variar na intensidade, passando de leve, moderada até grave.

Também pode aparecer em ondas, onde é forte em um momento e fraca em outro momento.

A aparência pálida pode mudar de um dia para o outro e de um momento para o outro.

Todas as combinações e variações acima são comuns.

Palidez não está restrita ao rosto apenas, uma vez que pode afetar qualquer área do corpo.

Veja também: Ansiedade Sintomas: Mais de 100 Sintomas da Ansiedade

Por Que A Ansiedade Pode Deixar Você Pálido?

Existem muitas razões para acontecer a palidez em momentos de ansiedade.

Os motivos mais comuns são:

1. A reação ao estresse pode causar uma mudança no fluxo sanguíneo do corpo.

Estar ansioso (preocupado, apreensivo e com medo) faz o corpo produzir a reação ao estresse.

A reação ao estresse libera hormônios do estresse na corrente sanguínea que viaja para pontos específicos do corpo para provocar mudanças fisiológicas, psicológicas e emocionais específicas que melhoram a capacidade do corpo para lidar com uma ameaça — para lutar com a ameaça ou fugir dela — é por isso que a reação ao estresse geralmente é chamada de reação “luta ou fuga”.

Como o corpo contém uma quantidade finita de sangue (De 2,8 a 5,7 l — a quantidade depende da altura e do peso do corpo), uma das muitas mudanças que a reação luta ou fuga provoca é o desvio do sangue de algumas partes do corpo para que regiões vitais para sobrevivência tenham mais sangue do que regiões menos importantes para sobrevivência.

Por exemplo, o sangue é desviado da pele, mãos e pés e enviado para o cérebro (para que o cérebro tenha mais combustível para pensar), coração (para que o coração possa bombear quantidades sustentáveis de sangue para regiões vitais) e músculos (para deixar o corpo mais forte e mais rápido), para citar algumas.

O corpo desvia sangue dilatando alguns vasos sanguíneos (vasodilatação) e contraindo outros (vasoconstrição).

Como os glóbulos vermelhos do sangue tem uma cor vermelha, quando o fluxo sanguíneo fica reduzido na pele, a pele perde um pouco do seu tom avermelhado.

O movimento de sangue para longe da pele do rosto deixa o rosto parecendo pálido ou branco.

Além da percepção de perigo, a reação ao estresse também pode ocorrer involuntariamente quando o corpo fica hiper estimulado devido a reações ao estresse draásticas demais ou frequentes demais — hiper estimulação pode fazer o corpo agir erraticamente e mais involuntariamente do que o normal, o que pode causar reações ao estresse involuntárias e suas mudanças (incluindo uma mudança no fluxo sanguíneo).

Conforme a hiper estimulação aumenta, também aumenta a probabilidade de mais comportamentos involuntários.

Esse também é o motivo para uma palidez “do nada”, sem nenhum motivo aparente.

Veja também: Entendendo o Estresse: Sintomas, Causas e Efeitos

2. A maneira como o corpo gerencia a temperatura do corpo.

O corpo também desvia sangue para gerenciar sua temperatura interna.

Por exemplo, quando o corpo está frio demais, o corpo contrai vasos sanguíneos da pele para que menos sangue fique exposto aos elementos externos mais frios, o que reduz a perda de calor.

Quando o corpo está quente demais, porém, ele dilata vasos sanguíneos da pele para permitir a exposição de mais sangue a elementos mais frios.

Portanto a palidez também pode ser causada pelo gerenciamento interno da temperatura do corpo.

3. O nível de oxigênio no sangue.

Para funcionar apropriadamente, corpo precisa de um nível constante de oxigênio circulando no sangue para células e tecidos.

Quando esse oxigênio cai para abaixo de um certo nível, pode ocorrer hipoxemia, que geralmente aparece como falta de ar e palidez.

Baixo nível de oxigênio no sangue pode ocorrer com uma respiração mais rasa ou segurando a respiração, duas coisas que muitas pessoas ansiosas fazem quando estão estressadas ou ansiosas.

4. O tipo de medo na raiz da reação ao estresse.

Os tipos e níveis de intensidade dos medos podem disparar diferentes tipos de reações ao estresse.

Por exemplo, ficar assustado de repente ou experimentar um choque emocional pode causar palidez, uma vez que o sangue é desviado da pele, incluindo a pele do rosto.

Mesmo assim, ficar com vergonha (medo de parecer ridículo ou tolo) geralmente faz o sangue fluir para o rosto causando rubor.

Ainda não se sabe exatamente porque essas diferenças ocorrem.

Não importa os motivos exatos, tanto a palidez quanto vermelhidão no rosto pode ocorrer devido aos fatores acima, incluindo a reação ao estresse e hiper estimulação.

Todavia, assim como a maioria das sensações e sintomas causados pela ansiedade, esse sintoma não é prejudicial.

É apenas uma consequência da reação ao estresse, não importa se foi causado voluntariamente ou involuntariamente.

Conforme você for resolvendo o problema da hiper estimulação e gerenciando melhor sua ansiedade, esse sintoma deverá desaparecer até não incomodar mais ou não ser motivo de preocupação.

Veja também: 10 Sinais Que O Medo Tomou Conta Da Sua Vida — E Como Resolver Isso

Como Se Livrar Da Palidez Como Sintomas Da Ansiedade?

Quando um sintoma da ansiedade como a palidez no rosto é causado por um comportamento apreensivo e pelas mudanças corporais devido à reação ao estresse, a principal coisa a fazer para terminar a reação ao estresse e as mudanças que essa reação causa é procurar se acalmar.

À medida que seu corpo se recupera de uma reação ao estresse ativa, esses sintomas da ansiedade deverão dissolver e você voltará ao normal.

Tenha em mente que isso pode levar até 20 minutos ou mais para o corpo se recuperar de uma grande reação ao estresse.

Porém, isso é normal e não deve ser motivo de preocupação.

Quando a palidez como sintoma da ansiedade é causada por um estresse persistente, pode levar muito mais tempo para o corpo se recuperar ao ponto de você não sentir mais o sintoma.

Todavia, quando o corpo se recuperar completamente desse estado excessivamente estressado, a palidez como sintoma da ansiedade vai sumir completamente.

Entretanto, a palidez e o branqueamento repentino da pele não deve ser motivo de preocupação.

Você pode acelerar o processo de recuperação reduzindo seu estresse, praticando respiração relaxante, aumentando seu descanso e relaxamento e não se preocupando com esse sintoma.

Novamente, quando seu corpo se recuperar do estresse, seja ele breve ou persistente, a palidez como sintoma da ansiedade vai desaparecer completamente.

Para uma explicação mais detalhada sobre todos os sintomas da ansiedade, por que os sintomas da ansiedade podem persistir por mais tempo depois que a reação luta ou fuga terminou, barreiras comuns para a recuperação e eliminação dos sintomas e mais estratégias e dicas de recuperação, insira seu e-mail abaixo para entrar no grupo de apoio gratuitamente.

1 comentário… add one
  • Tenho síndrome do pânico há 12 anos, não tenho recursos suficiente para fazer um tratamento de boa qualidade e sempre tenho crises muito fortes.Medo de sentir medo, tem horas que travo em subida, achando que meu coração está tendo uma arritmia,medo de morrer ali mesmo.Muito ruim esses sintomas, peço a ajuda de todos vcs.Obrigado.

Leave a Comment

Post anterior:

Próximo Post: