14 Etapas Para Reconstruir Sua Autoestima Após Ser Traída

Curando A Ferida Aberta

Você descobriu que seu namorado ou marido traiu e isso afetou diretamente sua autoestima.

Após o choque, um dos efeitos colaterais mais dolorosos é sentir como se você não fosse atraente, inteligente ou interessante.

Agora, sua autoconfiança (que estava em boa forma no dia anterior à descoberta) agora está destruída.

Mas você pode e se sentirá inteira novamente.

Lembre-se de que você é a mesma pessoa incrível agora como era antes da descoberta do caso.

E, com autocuidado extra, você voltará a estar em boa forma.

Com essas dicas simples, você estará olhando no espelho e sorrindo para a pessoa incrível que superou esse doloroso solavanco da vida como uma campeã.

Veja também: 20 Sinais De Que Um Relacionamento Acabou: Como Reconhecer O Fim E Seguir Em Frente

Como Reconstruir Sua Autoestima Depois De Ser Traída

  1. Lembre-se de que você não está sozinha.
  2. Pare com a autocrítica.
  3. Saiba que provavelmente não teve nada a ver com você (realmente).
  4. Tenha paciência e deixa o tempo passar.
  5. Ame-se do jeito que você é.
  6. Pense construtivamente e neutralize os pensamentos negativos.
  7. Lembre-se de que a outra pessoa também não é perfeita.
  8. Exercite sua coragem e arrisque-se.
  9. Ajude alguém.
  10. Queixo para cima e ombros para trás para aumentar a autoconfiança!
  11. Mexa-se!
  12. Escreva sobre suas realizações.
  13. Fale positivamente sobre alguém todos os dias.
  14. Por fim, aumente o volume!

Etapa 1: Lembre-se De Que Você Não Está Sozinha.

Descobrir que seu parceiro traiu pode fazer com que você se sinta rejeitada e isolada, mas você definitivamente não está, e as estatísticas mostram que seria difícil encontrar alguém que nunca foi traído.

Saber isso pode lhe dar algum tipo de conforto, porque você é uma dentre milhões de pessoas em todo o mundo que estão lidando com essa situação todos os dias.

Surpreendentemente, os números também mostram que homens e mulheres estão ‘pau a pau’ com relação à infidelidade:

  • Homens e mulheres jogam o jogo da traição, com 57% dos homens admitindo a infidelidade e 54% das mulheres admitindo o mesmo.
  • 74% dos homens e 68% se as mulheres dissessem que sim, teriam um caso se soubessem que nunca seriam pegos.
  • Surpreendentemente, 56% dos homens e 34% das mulheres dizem que trapaceariam, mesmo achando que eram felizes em seus relacionamentos atuais.
  • Não há ligação direta entre ser infeliz em um casamento e trair.
  • A tendência a trair pode ser genética e está ligada ao alcoolismo e ao jogo.
  • 41% dos casamentos têm um dos parceiros admitindo que traíam emocional ou fisicamente.
  • 30% a 60% do indivíduo casado admitiu trapacear, mas esse número pode ser baixo, considerando o fato de que a própria natureza da infidelidade é ser desonesto, e algumas pessoas vamos trair e enganar em estudos realizados sobre traição e enganação.

Veja também: 32 Sinais Evidentes Que Seu Namorado/Marido Está Traindo

Etapa 2: Pare Com A Autocrítica.

Infelizmente, todo mundo tem autocrítica e pode dizer as coisas mais brutais quando você está no seu nível mais baixo.

Você pode nem perceber quando o crítico começa a falar porque você se acostumou com o ruído de fundo negativo constante ao longo do dia.

Pensamentos como; “Sou feia”, “sou gorda” e “não sou boa” são frases da voz de sua crítica interna, e ela continua com a mesma conversa negativa enquanto você não parar.

Siga estas etapas para acabar com isso e recuperar sua preciosa autoestima:

  • Assim que você perceber que a conversa negativa começou, grite mentalmente “Pare!” Em seguida, faça um esforço concentrado para mudar seu foco para algo positivo; “Vou me divertir muito na festa na próxima semana!” Outra linha de pensamento pode ser um pensamento baseado em recompensa; tipo, “Trabalhei tanto a semana toda e amei os pijamas de seda que vi na loja, comprarei esta noite porque mereço!” Crie o hábito de perceber quando as críticas começarem e você estará no caminho de acabar com as críticas negativas.
  • Dê à voz crítica um nome adequado; recuse-se a ficar quieta e a ouvir quando ouvir o discurso de ódio começar revirando os olhos e dizendo:  “Aqui está a idiota mais uma vez”. Colocar o demônio mental em seu lugar com um nome apropriado lhe dará uma sensação de controle e, eventualmente, fará a crítica levantar as mãos e ir embora.

Os Efeitos Prejudiciais Da Autocrítica:

A autocrítica contínua está diretamente ligada à ansiedade, depressão, fadiga crônica, dor física, distúrbios alimentares, distúrbios bipolares e suicídio.

Veja também: 11 principais brigas de relacionamento que significam que você provavelmente deve terminar, de acordo com especialistas

Etapa 3: Saiba Que Provavelmente Não Teve Nada A Ver Com Você (Realmente).

A tendência de se perguntar ‘Por quê?’ e procurar desesperadamente em si mesma as respostas são atitudes comuns entre as pessoas que foram traídas.

Muitas vezes, a parceira ferida argumenta que, de alguma forma, é culpa dela; “Se ao menos eu fosse mais bonita”, “Se ao menos tivesse mais dinheiro” ou “Se ao menos tivesse agido de maneira diferente”.

Ser vulnerável e se separar para encontrar respostas prejudicará ainda mais sua autoestima, quando a verdade é que não há motivo para infidelidade.

Pessoas bonitas e bem-sucedidas como Jennifer Aniston e Halle Berry já foram traídas.

E as pessoas com quem você entra em contato todos os dias; seu chefe ultra confiante, o amigável caixa do seu banco, o funcionário do supermercado com o corpo perfeito e seu vizinho com as melhores habilidades sociais poderiam estar passando pela infidelidade no relacionamento.

Quando você se afasta e olha para os aspectos comuns da traição nos relacionamentos, verá que os traidores vão trair; eles traem alguém, não importando a aparência, o status de seu emprego ou o que eles fizeram ou não no relacionamento.

Você está boa o suficiente do jeito que é, e a chance de a traição não ter nada a ver com você é extremamente alta.

É Estatisticamente Verdadeiro:

A maioria dos casos de traição são simples, más escolhas que um parceiro fez porque estava na hora certa e a oportunidade estava lá.

Veja também: 30 Frases De Divórcio Que Vão Ajudar Você A Seguir Em Frente

Etapa 4: Tenha Paciência E Deixa O Tempo Passar.

É difícil sentir algum alívio da intensa dor de ser traída até que algum tempo tenha passado.

Para ajudá-la a ter alguma perspectiva, lembre-se de quaisquer relacionamentos passados ​​que terminaram – não importa o motivo – e a tremenda dor de cabeça que você sentiu na época.

Você ainda sente a mesma devastação e dor?

Embora você ainda sinta alguma pontada de dor, provavelmente não é a angústia que você sentiu naquele momento.

O clichê de que “o tempo cura todas as feridas” é bastante preciso e, quando esse tempo é gasto dando-se um autocuidado extra, a dor no coração em que você está agora diminui; assim como todas as outras mágoas das quais você se recuperou em sua vida.

Confie na capacidade do seu coração de se recuperar no seu próprio tempo, respire fundo e inicie o processo de recuperação com pequenos passos.

Veja também: 61 Frases Sobre Deixar Ele Ir Que Vão Desprender Você Da Dependência Emocional

Passo 5: Ame-se Do Jeito Que Você É.

Depois de descobrir que seu parceiro te traiu, você pode começar a perceber mais todos os seus erros e falhas, mesmo os que não são reais.

De repente, você pode sentir que seu cabelo é muito encaracolado, seus quadris muito grandes ou seu nariz é muito pequeno.

Não seja pega na armadilha da desilusão; é autodestrutivo e não fornece nada para o seu processo de cura.

Você também pode pensar que todo mundo vê e julga pequenos erros que você comete como esquecer o nome de alguém ou cometer um erro no trabalho, e de repente você se sente ainda mais insegura.

Dê a si mesma um pouco de folga e perceba que, no final das contas, sua singularidade e beleza são suas, e ninguém pode tirar isso de você.

Veja também: 40 Frases De Amor Que Vão Fazer Você Acreditar No Amor

Se Você Acha Que Todo Mundo Vê Suas Falhas E Erros:

É um fato: as pessoas passam tanto tempo pensando em si mesmas que raramente se preocupam (ou se lembram) do que as outras pessoas estão fazendo ou dizendo, ou fizeram ou disseram.

Etapa 6: Pense Construtivamente E Neutralize Os Pensamentos Negativos.

Ampliar coisas que você gostaria de mudar sobre si mesma e transformá-las em críticas; “Sou gorda” ou “sou burra” leva a mais danos à autoestima dos quais você não pode se beneficiar.

Categorize as coisas que você deseja melhorar e transforme-as em metas.

Alguns exemplos são:

  • Em vez de “eu sou gorda”, diga: “Vou entrar na academia e perder cinco quilos no verão”.
  • Transforme “Eu sou burra” em “Eu vou melhorar minhas habilidades com o computador participando de uma aula de informática nessas férias”.
  • Transforme “sou uma idiota” em “vou organizar meu armário no sábado”.
  • Em vez de “sou feia”, diga “vou escolher um novo penteado para a próxima sexta-feira”.
  • Seja sua própria melhor amiga – transforme o “Não consigo fazer nada direito” em “Sério? Essa é uma grande declaração de alguém que tem um emprego, é dona de uma casa, ajuda a apoiar uma instituição de caridade e é uma cozinheira incrível?”

Ao neutralizar a conversa negativa, você não apenas tirará a voz crítica das suas costas, mas também terá pensamentos mais construtivos, terá uma perspectiva realista sobre as situações e terá mais autoestima quando atingir os objetivos estabelecidos por você mesma.

Etapa 7: Lembre-se De Que A Outra Pessoa Também Não É Perfeita.

Comparar-se com a pessoa com quem seu parceiro te traiu só levará a sentimentos de inadequação e frustração.

É bom lembrar que o que você acha que vê na outra pessoa não é realmente a verdade; é a sua baixa autoestima e inveja falando, e nem seu parceiro, nem qualquer outra pessoa que conhece essa pessoa pensa que é a amostra perfeita de um ser humano.

Não perca seu tempo pensando neles; pense em se curar e fazer com que pelo menos uma coisa boa saia da situação; se não várias coisas boas, como algumas das sugestões a seguir.

“Ciúme – O grande exagerador”. – Johann C. Schiller

Veja também: Os Melhores status do WhatsApp para deixar ele com ciúmes

Etapa 8: Exercite Sua Coragem E Corra Riscos.

Faça algo que gostaria de fazer, mas hesitou em fazer no passado (desde que seja seguro).

Se você é bem-sucedida ou não, não importa; é a autoestima que você terá por ter a coragem de tentar algo novo e saber que fez o seu melhor.

Você ficará surpresa com o aumento da confiança que obtém por ter a coragem de tentar algo novo, seja em pequena ou grande escala.

Algumas coisas que você pode pensar em fazer são:

  • Use uma cor ousada de camisa ou roupa que você normalmente não usaria
  • Faça o possível para iniciar uma conversa com alguém
  • Volte para a faculdade ou inscreva-se em uma aula para aprender um novo idioma, um hobby ou uma nova habilidade
  • Experimente uma cor de cabelo ligeiramente diferente
  • Faça um passeio de balão
  • acampar sozinha no fim de semana
  • Escreva uma carta ao editor do jornal local sobre um assunto pelo qual você se apaixona
  • Comece um blog
  • Saia para jantar e para um filme

Permanecer na zona de conforto por longos períodos está ligado à baixa autoconfiança

Etapa 9: Ajude Alguém.

Estenda a mão e se entregue da maneira que puder.

Permita que alguém que tenha menos itens do que você passe na frente na fila do caixa; diga ao seu colega de trabalho o quanto você ama o penteado deles; doe para uma instituição de caridade ou passe uma manhã de fim de semana trabalhando na cozinha de sopa.

Quando você faz pelos outros (especialmente se eles não podem lhe retribuir), você aumenta sua autoestima e se sente valiosa para o mundo e as pessoas nele; dando a você uma sensação de poder e valor próprio.

E quem sabe; você pode formar alguns relacionamentos valiosos ao longo do caminho.

Queixo para cima, ombros para trás e mãos nos quadris para uma dose de confiança!

Passo 10: Queixo Para Cima E Ombros Para Trás Para Aumentar A Autoconfiança!

Endireitar sua postura cria mudanças químicas em seu corpo que lhe darão um impulso extra de autoestima em três minutos!

Quando você se torna fisicamente maior levantando o queixo, endireitando a coluna e trazendo os ombros para trás, você se sente mentalmente maior e mais importante.

Essa posição, chamada de “pose de poder”, aumenta seu nível de testosterona (hormônio da confiança) em 20% e reduz em 25% os níveis de cortisol (hormônio da ansiedade) – níveis mais altos de testosterona e níveis mais baixos de cortisol levam a níveis mais altos de autoconfiança.

Experimente agora mesmo e sinta o poder!

Etapa 11: Mexa-se!

Se exercitar por apenas trinta minutos, três vezes por semana, pode ter um impacto perceptível e positivo em sua autoconfiança.

Suar um pouco de tempo também causa a liberação de beta-endorfinas (substâncias químicas benéficas) e reduz os níveis desagradáveis ​​de cortisol (hormônio da ansiedade), fazendo com que você se sinta melhor em geral.

Se você gostaria de perder peso, sua autoestima também aumentará quando você perder esses quilos extras, mas os produtos químicos para o bem-estar são liberados independentemente do motivo pelo qual você está se exercitando.

A única variação é que o exercício aeróbico – especialmente quando é feito com outras pessoas – tende a ter mais impacto na autoestima, possivelmente por causa do apoio emocional de outras pessoas.

Nem precisa ser um treino de alta intensidade; trinta minutos de exercício moderado serão suficientes, e se você já estiver se exercitando, aumentar seu tempo alguns minutos vai entregar uma dose extra de autoestima.

Etapa 12: Escreva Sobre Suas Realizações.

Tire sua caneta e papel e anote todas as suas realizações, grandes e pequenas, por pelo menos dez minutos por dia.

Você pode listar coisas do cotidiano, como “Eu terminei de pintar a sala hoje” e as grandes coisas que mudam a vida, como “Comprei minha primeira casa em 2018”.

Isso fará com que você lembre que você tem um lugar importante neste mundo.

E também fazer você se orgulhar de todas as suas conquistas, passadas e presentes.

Pense frequentemente no seu potencial!

Estudos mostram que pessoas com alta autoestima pensam mais em crescimento e conquista, e pessoas com baixa autoestima pensam principalmente em não cometer erros.

Etapa 13: Fale Positivamente Sobre Alguém Todos Os Dias.

As palavras que você fala não são apenas palavras, elas realmente afetam sua autoestima e humor.

Estudos mostram que falar bem de alguém causará um aumento de 5% em sua autoestima, e falar negativamente sobre alguém causará um aumento de 34% em seus sentimentos negativos.

E isso não é tudo: os médicos descobriram que apenas uma palavra negativa ou positiva pode ter uma reação positiva ou negativa em seu cérebro.

Além disso, apenas pensar (e focar) em uma palavra positiva pode causar mudanças físicas no cérebro; afetando a maneira como você se vê e a maneira como vê as pessoas ao seu redor.

Razões mais do que suficientes para falar, agir e pensar de maneira positiva, o tanto quanto possível!

Etapa 14: Por Fim, Aumente O Volume!

Você já reparou que o tipo de música que você está ouvindo afeta diretamente seu humor?

Não há nada de errado em ouvir músicas de desgosto amoroso, e elas podem ajudá-la a aliviar um pouco sua dor, mas para ter a sensação de superar, não importa qual seja a situação, ouça músicas animadas.

Música: Um jeito seguro de ficar ‘alto’. – Jimi Hendrix

Conclusão

Você terminou o relacionamento depois de descobrir que seu parceiro trapaceou? Deseja tentar novamente seu parceiro?

Aqui Está O Que Os Relacionamentos Mais Bem-sucedidos Têm Em Comum:

  • Estar e falar de forma otimista
  • Sair da rotina e ter novas experiências juntos
  • Faça sexo 2 – 3 vezes por semana
  • Parabenizar pelas vitórias, grandes e pequenas
  • Participar de atividades que estão fora do relacionamento
  • Ter amigos e atividades que estão fora do relacionamento
  • Compartilhar tarefas
  • Comunicação construtiva em vez de jogar o ‘jogo da culpa’
0 comments… add one

Leave a Comment